Compartilhe!!

A arte da vida consiste em fazer da vida uma obra de arte. (Mahatma Gandhi)

quarta-feira, novembro 09, 2011


Hoje fuçando em uns blog favoritos (http://meustrabalhospedagogicos.blogspot.com) vi como é importante sempre ler e ler e ver que educar nao é achar bonito, mas achar feio, fechar a cara e sofrer por dentro sabendo que é o melhor a fazer! Copiei  e colei para aproveitar depois!


No decorrer de minha criação, como posso tornar meu filho querido um delinquente?

1 – No decorrer da infância, comece a dar ao seu filho tudo o que ele quiser. Assim quando crescer, ele vai acreditar que todos têm obrigação de lhe dar tudo que deseja.

2 – Quando seu filho disser diversos palavrões, ache bastante graça e nunca o repreenda. Isso o fará considerar-se interessante. Ele vai crescer chamando os outros da forma que desejar, afinal a família sempre riu do que ele falava.

3 – Em sua família nunca fale de religião achando que não é correto impor qualquer tipo de religião ao seu querido filho. Espere até que ele chegue aos 18 anos e decida por si mesmo. Isso com certeza irá ajudar seu filho a não respeitar os valores religiosos.

4 – Continue apanhe tudo o que seu filho deixar jogado: livros, sapatos, roupas, etc... Faça tudo para ele, para que aprenda a jogar sobre os outros toda a responsabilidade de suas ações incorretas. Saiba que a primeira da lista a responder pelas irresponsabilidades por seu filho, será você.

5 – Para tornar um filho delinqüente e indiferente, os pais devem discuta com freqüência na presença dele. Assim, não ficará muito chocado, quando o lar se desfizer mais tarde.

6 – Mesmo a família não tendo condições, dê-lhe todo o dinheiro que ele quiser. Nunca o deixe ganhar seu próprio dinheiro. Por que terá ele que passar pelas mesmas dificuldades que você passou ou passa?

7 – Satisfaça todos os seus desejos de seu filho, afinal negar algo a um filho muito querido, pode acarretar em frustrações prejudiciais. Então pense sempre em seu filho e faça TUDO que ele pedir. Isso com certeza estraga um filho.

8 – Seu filho nunca está errado, afinal você o cria para isso, por tanto, tome sempre partido dele contra os vizinhos, sua família, professores, policiais e qualquer pessoa que esteja no caminho do seu querido. Lembre-se: todos têm má vontade com seu filho e só você o compreende e o cria bem.

9 – Você assiste, cria e educa seu filho dando e fazendo tudo que ele quer, mas quando ele se meter em alguma encrenca, dê uma desculpa para as pessoas perdoarem, diga-lhes: “Nunca consegui dominá-lo”.

10 – Seguindo todas as dicas desta apostila, você irá torna brevemente seu querido filho um delinqüente e deverá preparar-se para uma vida de desgosto. Afinal você construiu o seu merecido destino. Pense e reflita!


Reflexões:

1. De acordo com os itens estabelecidos , quais não correspondem ao seu julgamento de valor quanto a pergunta central do contexto em estudo.

2. Quais os riscos para a vida familiar quando um pai ou mãe estabelece como norma de criação algum item negativo composto nesta apostila?

http://simonehelendrumond.blogspot.com
Autora da Apostila: Simone Helen Drumond - simone_drumond@hotmail.com